II crônicas 7.14

"Se o meu povo que se chama pelo meu nome se humilhar, e orar, e me buscar e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra" (II crônicas 7.14)

domingo, 4 de janeiro de 2015

E começam as férias

A paz galerinha!!

Primeiro gostaria de desejar a todos um feliz 2015, e que nesse ano possamos viver com intensidade os sonhos de Deus!! Bem, na virada do ano tive uma sensação única, a mistura de nostalgia com expectativa, foi muito diferente, chorava e ria... (risos!). Mas uma coisa pude ter certeza: 2015 será O ano.





Eu creio que nada acontece por acaso, e que Deus direciona absolutamente tudo na vida daquele que se permite ser guiado por Ele. No meu caso, 2014 foi um ano de muitos testes e de total deserto. Aprendi muita coisa, mudei conceitos, opiniões, comportamentos e experiencie um lado diferente que a vida me separou, em suma, cresci.
Tudo tem um tempo para acontecer e eu nunca gostei de acelerar as coisas, mas de vez ou outra nós erramos e transferimos o nosso imediatismo tecnológico para as emoções e peculiaridades da vida que não podem ser rápidas, logo vem a frustração e sentimento de impotência, todavia, há sempre algo maior que nós a ser alcançado, e que nos convida gentilmente a percorrer difíceis estradas para abraçá-lo. No sentido da vida encontramos diversos caminhos, basta escolher e se jogar no desconhecido! Tem sido assim até agora para mim, fiz uma escolha e estou galgando um percurso que sei que não terá volta, mas sei que cada sacrifício valerá a pena. E é isso que me move, a certeza das coisas que não posso ver hoje, mas sei que me aguardam logo ali no futuro. Tenho fé.





Após o Especial de Natal que foi um tremendo sucesso, pude relaxar e começar a aproveitar as férias. Conversar até de manhã com os amigos, passear, rir, viver além das idealizações. Tem sido um privilégio ser um cara que Deus pode contar, e sinto-me honrado de poder viver a vida de Deus em mim. 
Sem necessidade de glamour, o avassalador simples está me encantando e me fazendo refletir que os detalhes da vida são o que vale a pena se experienciar e apreciar. Como sempre falo, nada é mais constante do que a mudança... Estou evoluindo a cada dia e sei que nunca me permitirei estacionar, pois a vida é um grande palco que nunca deixarei de me apresentar, e tem sido uma aventura ser artista nesse grande musical que é a esperança.



Pra vocês algumas fotografias do Forte de Santa Catarina (Cabedelo - PB) que fiz nesses primeiros dias de 2015.
















Que em 2015 possamos realizar sonhos e aprender que na vida tudo passa, exceto o amor de Deus.


No amor de Cristo...
Rafly Walone



0 comentários:

Postar um comentário